Nelson D'Aires

"Álbum de Família"

Álbum de Família

“Álbum de Família” é um trabalho que nasce da existência de um livro intitulado: “António Gonçalves Pedro, Fotógrafo de Mora”, com chancela da Câmara Municipal de Mora, publicado em 2003, resultado de um trabalho apaixonado e rigoroso de Luis Vasconcelos que durante três anos trabalhou na recuperação, observação e edição fotográfica a partir de um arquivo com milhares de negativos que a partir da década de 50 guarda mais de 50 anos da história de Mora em fotografias. A leitura deste livro foi o ponto de partida para ter concorrido à Bolsa Estação Imagem, prémio criado pela Estação Imagem e Câmara Municipal de Mora, para estimular a produção de livros e exposições de longos projectos de fotografia documental na região do Alentejo. As fotografias de AGP escolhidas e publicadas no livro atraíram-me de imediato. Impressionou-me a sua naturalidade, a intimidade, o mistério da história guardada. Nos negativos escondiam-se as fotografias na sua totalidade e a plenitude do fotógrafo, do seu olhar com identidade e plasticidade. Assim nasceu a urgência de desafiar a memória e encontrar, no presente, as pessoas do livro de AGP e de cristalizá-las, agora, nos seus ambientes e nas circunstâncias de vida actuais. Com o livro nas mãos, fiz das imagens perguntas, procurei e fotografei muitas das suas personagens que encontrei. Ao mesmo tempo que estimulava a memória de quem fotografei, fui colocando nas páginas do livro pequenas anotações para legendar por palavras o tempo que passou para não desaparecer o que parecia estar esquecido se não fossem as fotografias. Este é um trabalho sustentando na intimidade de quem conheci, primeiro através de uma fotografia e depois pessoalmente. A todas as pessoas pedi que me mostrassem os seus álbuns de família.

Nelson D'Aires

Formado na área da construção civil como técnico de obras, abandona a actividade no final de 2005. Em 2006 estabelece-se como fotógrafo freelance dedicando-se ao fotojornalismo e à fotografia documental. Nesse ano é convidado a integrar o colectivo Kameraphoto, onde participou em vários trabalhos colectivos, destacando-se, o ultimo projecto, "DR - Um Diário da República" iniciado em 2010, ano do centenário da proclamação da República Portuguesa e que pretende ajudar à construção de uma memória colectiva sobre o período 2010-2020. O seu trabalho tem sido regularmente premiado nos principais concursos de fotojornalismo português, sendo o mais importante, em 2011, premiado com o grande Prémio de Fotojornalismo Estação Imagem Mora, o maior galardão de fotojornalismo actualmente atribuído em Portugal, com a reportagem “Leandro”. Em 2012 vence a Bolsa Estação Imagem com o projecto “Álbum de Família” que o desperta para a questão do arquivo. Em Setembro de 2013 publica "EROSÃO", o seu último livro em que trabalha o território de alguns efeitos provenientes das fortes medidas de austeridade impostas pela TROIKA no trabalho fabril, tais como desemprego e insolvências de empresas.

Mira Forum

Rua de Miraflor, 153, Campanhã, Porto

O MIRA Forum é o segundo armazém da rua de Miraflor com o número 155. É um lugar interdisciplinar que combina uma vertente social com uma vertente comercial. Pela grande...

Mais informação

Horário

Terça a Sábado | Tuesday to Saturday: 15h00 - 19h00

Apoios Institucionais

Braga UM DGArtes GovernoPortugal