"; logo for OpulenceOpulenceOpulenceOpulence

Opulence

Dustin Thierry

Exposições
13 Set 2019 > 27 Out 2019
Museu D. Diogo de Sousa

Durante a primavera de 2018, comecei a documentar a cena do "ballroom voguing" em Amsterdão, Berlim, Milão e Paris. 'Famílias' ou 'capítulos' organizam reuniões intensas que oferecem possibilidades emancipatórias de expressão, que se relacionam com questões de género e/ou raça num ambiente confiável, onde moda e atitude se misturam com a mútua compreensão. Ao mostrar-me honesto e sincero, consegui ter acesso a esse mundo de pessoas maravilhosas e sensíveis, e consegui afastar os seus medos de serem explorados pela abordagem sensacionalista dos grandes media. A fotografia em preto e branco remete à atmosfera urbano-clandestina do século anterior. O meu atual projeto 'Opulence' (WIP) é uma ode ao meu falecido irmão e a todas as pessoas de ascendência afro-caribenha, que ainda não têm liberdade para viver e expressar a sua sexualidade ao máximo. Até hoje, a homossexualidade é fortemente estigmatizada e condenada dentro da comunidade caribenha. Além disso, os negros das antigas colónias e das ilhas caribenhas na Holanda são cada vez mais racializados e objetificados. Este projeto procura romper com essa dicotomia retratando estes assuntos em retratos sem adornos, crus mas ainda assim graciosos. O projeto regista a minha tentativa de construir um arquivo vivo de sentimentos, expressões de género e identidades LGBT, da diáspora do Caribe Negro na Holanda como um testemunho da vitalidade e longevidade da comunidade LGBTQ Negra da Holanda e do Caribe.

  • Dustin Thierry

    Holanda

    Dustin Thierry nasceu em 1985 em Willemstad, Curaçao. 

    Dustin é um fotógrafo auto-didata que vive e trabalha em Amesterdão. Os seus projetos concentram-se em questões de identidade caribe africano. Estas questões são tão pessoais como sociais, Dustin é fascinado pelo que motiva as pessoas. Num mundo de tanta contaminação visual, onde as imagens são infinitas, Dustin tenta captar momentos de quietude e reflexão, sendo os seus retratos momentos íntimos onde o espetador fica livre de soltar a imaginação. 

    Dustin já recebeu vários prémios e bolsas entre os quais: Participante da Aperture Summer Open: Delirious Cities (2019), Vencedor da Selection of Dutch Photography Awards (2019)., Participnte da Pa7th annual New York Portfolio review (2019), Nomeado C/O Berlin Talent Award (2019), Finalist LensCulture Black-and-White Photography Awards (2018 e 2019). Longlist Rabobank Dutch Photographic Portrait Prize (2019), Winner Decade Innovation Award (2017).